Londrina, segunda-feira, 07 de agosto de 2023. Por Luciana Bataglia – No dia 16 de julho, sexta-feira, foi anunciado pelo Ministério da Gestão e Inovação, a autorização de um novo concurso para o Ministério do Trabalho e Educação (MTE), contando com a possibilidade de 900 vagas para auditor fiscal do trabalho.

O último concurso para o MTE havia sido realizado em 2013 organizado pela banca CEBRASPE, cerca de dez anos atrás, e naquela época foram ofertadas apenas 100 vagas para o cargo.
O concurso foi autorizado no dia 16 de julho de 2023, e seguindo as premissas da Portaria nº 2.453, a partir desta data, o prazo para lançamento do edital de abertura do concurso é de seis meses, então, ele está previsto para até dezembro de 2023.

Vagas do concurso do Ministério do Trabalho e Emprego

A vaga ofertada no concurso é de Auditor Fiscal do Trabalho, sendo ele o responsável por cuidar dos direitos trabalhistas dos empregados, em sua relação trabalhista com o empregador, seja ela de natureza pública ou privada.

Leia Também:  Quais são os órgãos públicos que mais contratam no Brasil?

Para o cargo, o concorrente tem que ter nível superior em qualquer área do conhecimento. Mas os conhecimentos jurídicos trabalhistas são os mais importantes.
A vaga é muito concorrida pelos concurseiros de plantão e existem vários cursos preparatórios para ela. É sempre bom procurar uma boa escola e com material completo para estudar e se dedicar muito.

Serão cerca de 900 vagas para o cargo, de nível superior em qualquer área de formação. O salário inicial gira em torno de R$ 21.000 segundo informações do MTE. Ainda não há informações sobre o valor da taxa de inscrição.

Fique atento às datas, pois após a publicação do edital, o prazo mínimo para aplicação da prova é de apenas dois meses. As provas costumam ser objetivas e discursivas, podendo ter uma prova de títulos.

Compartilhar.
Avatar de Luciana Bataglia

Professora de redação, redatora e revisora. Apaixonada por leitura e escrita desde criança. Graduou-se em Letras e especializou-se em revisão textual e produção de conteúdo.