São José dos Campos (SP) sexta-feira, 3 de maio de 2024, por Marcos Eduardo Carvalho – O CNU (Concurso Nacional Unificado), que aconteceria neste domingo (5), em todo o país, foi adiado. O Governo Federal confirmou a informação no início da tarde desta sexta-feira (3).

De acordo com o governo, o adiamento do concurso no país inteiro se deu por conta das chuvas trágicas que atingiram o Rio Grande no Sul. O estado está com mais da metade das cidades em situação de emergência e a capital Porto Alegre está em estado de calamidade pública.

Inicialmente, se pensou em cancelar a prova apenas no estado e manter no restante, mas acabou sendo mantido em todos os lugares até ontem. Agora, com a impossibilidade de se realizar a prova no Rio Grande do Sul, também se decidiu pelo cancelamento no país todo.

Quando o concurso unificado vai acontecer

Urgente! Enem dos concursos é adiado em todo o país. Foto: Reprodução
Urgente! Enem dos concursos é adiado em todo o país. Foto: Reprodução

Ainda de acordo com o governo federal, ainda não há uma data definida para uma nova realização da prova do Concurso Unificado. O fato é que as chuvas no Rio Grande do Sul atrapalharam a prova no país inteiro.

Leia Também:  ENEM dos concursos: horários e tempo da prova são publicados

Afinal de contas, seria inviável realizar a prova apenas em alguns lugares e não ter no Sul, onde as provas seriam as mesmas. Então, por questão de isonomia, toda a nação teve as provas adiadas.

No total, o concurso unificado teve 2,5 milhões de inscritos, de acordo com os dados do Ministério da Gestão. No Rio Grande do Sul, foram 86 mil inscritos em dez cidade diferentes.

Mas, com a chuva histórica, que já tirou a vida de mais de 25 pessoas, adiamento no país todo foi a solução jurídica encontrada. E os candidatos vão ter que aguardar os novos procedimentos para voltarem às provas.

Provas são voltadas para nível federal

O chamado ‘Enem dos Concursos’ é inédito no país e envolve vagas para diversas áreas em órgãos de âmbito federal. No total, são 6.6640 vagas, distribuídas em 21 locais do governo federal.

No total, foram 3.665 locais para a prova, com mais de 75 mil salas de aula disponível. E as provas seriam espalhadas por 228 cidades brasileiras neste domingo.

Leia Também:  Bolsa Família: governo libera saque antecipado, confira

Agora, com o adiamento por prazo indeterminado, a proposta é realizar novamente nos mesmos lugares, em condições de igualdade para todos os candidatos. Mais de 90% dos candidatos vão fazer as provas a mais de 100 km de casa.

Compartilhar.

Jornalista formado em 1999, atua no jornal OVALE, em São José dos Campos, e na TV Câmara, também na mesma cidade. Atualmente, também produz posts para sites como DiarioSP, Tecnotícias, Portal Atualizei e já atuou em sites como o Newsmotor e Brasil123